A Arte do Prefeito

O Imparcial / São Luís, 19 de janeiro de 1986

Dia 14, em Imperatriz, foi realizada uma reunião das entidades ASSARTI, FETAMA e CONFENATA com o prefeito José Ribamar Fiquene e o vereador Léo Frank, onde foi discutida a infraestrutura da XI Mostra de Teatro Amador que ocorrerá naquela cidade em novembro. 

Um dos pontos polêmicos da reunião foi a questão do terreno reivindicado pela Associação Artística de Imperatriz (ASSARTI) para a construção de um teatro que atenda às necessidades do público, principalmente agora que a princesa do agreste está sendo chamada “a capital do teatro do Maranhão”, em razão da Mostra que sem dúvida receberá os mais diversos grupos do Estado. 

A proposta entretanto ainda não foi aceita pelo prefeito, pois, segundo o Conselho de Contas do Município de Imperatriz, a prefeitura não pode utilizar verbas para benefícios particulares. Mas os artistas presentes à reunião e o vereador Léo Frank argumentaram que a Associação, por ser uma entidade sem fins lucrativos, é reconhecida como de utilidade pública e inscrita no Conselho Nacional de Serviço Social (CNSS) e está legalmente instrumentalizada para receber verbas do Município, do Estado ou da Federação.

Para viabilizar essa proposta, a ASSARTI entraria com o terreno, a Prefeitura com a construção e entidades federais e estaduais como Secretaria de Cultura, Sedel e Inacen com o aparelhamento técnico do espaço.

O prefeito, mostrando-se sensível à reivindicação dos artistas, comprometeu-se de reestudar a proposta junto com o Conselho de Contas do Município, visto que nesta XI Mostra será indiscutivelmente necessário este espaço cultural com as devidas condições técnicas para apresentação. Todos estão torcendo para que a resposta seja positiva e a construção se inicie dentro do mais breve possível. 

O artista e representante da Confederação Nacional de Teatro Amador (CONFENATA), Nélson Brito declarou: “Eu acredito que depois de esclarecida a instrumentalização legal da ASSARTI, o Sr. Ribamar Fiquene atenderá as justas reivindicações do movimento artístico de Imperatriz, visto que esta não é a primeira vez que o prefeito, percebendo a importância do crescimento artístico cultural do município, se alia aos desejos daqueles que procuram tornar Imperatriz o centro cultural do Estado”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: